Reunião do Comitê decide pela permanência do comércio aberto em Paracatu

 Reunião do Comitê decide pela permanência do comércio aberto em Paracatu

Adesão ao Minas Consciente implicaria no fechamento dos pontos comerciais, com exceção dos serviços essenciais

#PraCegoVer Integrantes do Comitê Municipal de Enfrentamento ao Covid-19 se reúnem em volta da mesa

Na reunião semanal, realizada nesta terça-feira (11/08), O Comitê Municipal de Enfrentamento ao Covid-19 opinou de forma favorável à permanência do município dentro da Recomendação 17, avaliando a cada semana a progressão da macro e da micro região, para avaliar em seguida uma possível adesão ao programa Minas Consciente, do governo de Minas Gerais. Isso significa que o comércio de Paracatu segue aberto, com exceção de academias, salões de beleza, barbearias, bares e restaurantes. Esses dois últimos permanecem atendendo aos clientes no sistema delivery.

Semanalmente, a equipe se reúne para acompanhar os números de contaminação do vírus na cidade e discutir as ações e medidas para conter o avanço das infecções. A situação é de alerta, pois os casos continuam crescendo e muitos cidadãos, em particular os jovens, não têm adotado as medidas preventivas necessárias.

No encontro, foi comunicado ao grupo que a equipe municipal de desinfecção dos locais está sendo ampliada, passando a contar com 20 integrantes. As demandas para que sejam feitas desinfecções em pontos comerciais seguem crescentes. Também ficou decidido que a Defesa Civil do município irá encaminhar os produtos para a administração do presídio de Paracatu, a fim de que seja feita a completa antissepsia no local.

Participaram da assembleia os secretários de Saúde, João Batista Aparecido Soares; de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Hélia Rosa; de Administração, Hermak Pires de Oliveira; de Agricultura, Everton Luis da Silva; de Assuntos Jurídicos, Tiago Pereira dos Santos; de Educação, Maria de Fátima Ulhôa Almeida; de Fazenda, Flávio Cortes Ramos; e de Meio Ambiente, Igor Pimentel Cruz, além da enfermeira-chefe da Vigilância em Saúde, Arianne Mendes Rocha, da controladora interna do município, Tatiana André da Cunha, e da assessora de Comunicação, Eucária Birro.

ASCOM

 

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados