PROPORCIONALIDADE

 PROPORCIONALIDADE

As pessoas tão logo desenvolvem entendimentos lógicos, iniciam também a maratona de forjar, idealizar e elaborar os próprios sonhos.   O percurso temporal da vida de cada um determinará as formas e a intensidade que individualmente a pessoa implementará sua trajetória, e desencadeará os procedimentos para se tornar um (a) vencedor (a).    O start ocorrerá com os sonhos, necessário “sonhar o futuro com os pés no chão”, mas escreva, é proibido não sonhar, idealizar, imaginar, projetar.    Nenhum projeto cujo início parta de um degrau do meio da escada será indiscutivelmente bem sucedido, quando muito, será uma realização tipo “meia boca”.   Equivalente ao tamanho do que você idealiza realizar haverá de ser o seu esforço e dedicação na execução, nessa mesma ordem e proporção poderá ser vista e valorizada sua obra.   Três são os estágios pelos quais passam nossas realizações, você sonha, imagina e idealiza algo, em seguida deverá partir para a análise e elaboração dos projetos, por fim virá a execução que determinará e apontará você como um vencedor ou não.   No mais das vezes só adquirimos experiência, pois nem sempre as coisas ocorrem exatamente como idealizamos e projetamos.   O que não se discute em relação ao tema é o fato da marcante PROPORCIONALIDADE, maior o sonho, também grande há de ser nosso empenho e dedicação, como nada vem de graça, se IDEALIZAR bem, EXECUTAR com maestria o projeto, GRANDIOSA será também sua conquista.   Falando sobre proporção e intensidade, cito aqui o que o Filósofo Agostinho, santo da igreja católica afirmou em relação ao tamanho do amor, teria afirmado ele “A medida do amor é amar sem medida”.   Trocando em miúdos, não discordando de Santo Agostinho, num circulo do bem, na mesma medida em que amarmos, haveremos de nos sentir amados.

Miguel Francisco do Sêrro – Historiador e Advogado.

 

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados

Leave a Reply