Prefeitura de Paracatu recebe R$ 4,27 milhões para o enfrentamento da Covid-19

 Prefeitura de Paracatu recebe R$ 4,27 milhões para o enfrentamento da Covid-19

Segundo a Assessoria de Comunicação e Secretaria Municipal de Saúde, da Prefeitura de Paracatu, desde o início da pandemia da Covid-19, ou seja, desde março passado, o município recebeu, até final de julho, cerca de R$ 4,27 milhões (R$4.273.203,84), assim distribuídos:

  • R$ 267.086,09 – 31/03 – Medida Provisória 924

(Destinado à aquisição de EPI’s; medicamentos de consumo médico-hospitalar; medicamentos; na Rede de Atenção Básica, no Centro de Atenção psicossocial [Caps] e no tratamento de hemodiálise.)

  • R$ 585.021,79 – 13/04 – Medida Provisória 940, Portaria 744

(Destinado à aquisição de EPI’s; medicamentos de consumo médico-hospitalar; medicamentos; na Rede de Atenção Básica, no Centro de Atenção psicossocial [Caps] e no tratamento de hemodiálise.)

  • R$ 16.771,14 – 28/04 – Crédito Extraordinário – Enfrentamento de Emergência

(Destinado à aquisição de EPI’s; medicamentos de consumo médico-hospitalar; medicamentos; na Rede de Atenção Básica, no Centro de Atenção psicossocial [Caps] e no tratamento de hemodiálise.)

  • R$ 17.000,00 – 30/04 – Recursos ordinários

(Destinado à aquisição de EPI’s; medicamentos de consumo médico-hospitalar; medicamentos; na Rede de Atenção Básica, no Centro de Atenção psicossocial [Caps] e no tratamento de hemodiálise.)

  • R$ 337.314,12 – 9/06 – Lei Complementar 173/2020 

(Destinado a aquisições diversas relacionadas à Covid-19 (EPI’s, medicamentos e materiais de consumo médico-hospitalar.)

  • R$ 3.050.010,00 – 13 e 15/07 (valor liberado até a presente data, de um total de R$ 5.283.673,00) – Portaria 1666 – Emendas

(Destinado à folha de pagamento de pessoal da Covid-19 no Hospital Municipal; equipe de monitoramento; fiscalização; barreiras sanitárias; equipe de desinfecção; equipamentos hospitalares; Equipamentos de Proteção Individual [EPI’s] e aluguel de veículos.)

E destaca os seguintes pontos:

  • Paracatu tem 8 leitos de UTI, sendo um para isolamento. Mas a destinação do paciente com Covid-19 é uma decisão do Sistema Estadual (SUS Fácil), de acordo com a disponibilidade de leitos na região Noroeste. Portanto, os pacientes com Covid-19 no município encaminhados para UTIs de outras cidades seguiram uma determinação do órgão que faz a regulação de leitos do estado;
  • Paracatu, juntamente com os outros 11 municípios da Regional, lutou para que fossem implantados os novos leitos de UTI em Unaí; João Pinheiro; São Gotardo e no Hospital Regional Antonio Dias, em Patos de Minas;
  • Unaí não montou Hospital de Campanha, mas um centro de atendimento à Covid-19.

 

 

 

 

.

 

 

 

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados