Cemig alerta sobre ocorrências de golpes contra clientes em Paracatu 

 Cemig alerta sobre ocorrências de golpes contra clientes em Paracatu 

Criminosos estão usando o nome da empresa para enganar a população e extorquir dinheiro; confira as dicas para não se tornar vítima

 

Para alertar os seus clientes em Paracatu, a Cemig informa que estelionatários e pessoas de má-fé têm utilizado o nome da companhia para aplicar golpes no município. Os clientes devem ficar atentos às formas de pagamento e de cobrança praticados pela Cemig, a fim de evitar que se tornem vítimas dos golpistas.

O golpe consiste na emissão de um boleto falso de outra empresa e que seria referente à conta de luz da Cemig. Contudo, é importante destacar que a fatura da Cemig não é emitida em nome de empresas terceiras.

O gerente de Arrecadação e Adimplência da Cemig, Wellington Cancian, explica que em caso de contato de profissionais da companhia com os clientes,  as equipes de atendimento são treinadas para confirmar os dados cadastrais dos clientes, bem como dos débitos que motivaram a ligação, reforçando a veracidade da sua atuação.

“Além disso, os clientes que possuem débitos cobrados judicialmente pela Cemig são formalmente notificados pela Justiça para se manifestarem sobre a cobrança. Essa notificação é realizada, normalmente, por correspondência, ou via oficial de justiça – dificilmente por telefone. Para se prevenir contra esses atos fraudulentos, recomendamos aos nossos clientes que, antes do pagamento de qualquer fatura, confiram os valores e a empresa que emitiu o documento.  Os clientes devem desconfiar se alguma informação não estiver correta e, caso não esteja, consulte os canais de atendimento da Cemig para se informar sobre o débito que está sendo cobrado e também se a forma da cobrança está autorizada pela Cemig”, alerta.

Cuidados a serem tomados

Em caso de dúvida, a Cemig informa que o consumidor deve procurar por uma Agência ou Posto de Atendimento da Cemig de sua cidade ou ligar para o telefone 116 para verificação da autenticidade do contato. A Cemig orienta ao cliente acionar a delegacia da Polícia Civil mais próxima para registrar um boletim de ocorrência por fraude ou Delegacia de Crimes Digitais, caso o município o possua. Na ausência de delegacia Polícia Civil, acionar a Polícia Militar.

Além disso, a consulta de valores pendentes pode ser realizada por meio do WhatsApp (31-3506-1160), Telegram (@cemigbot), por SMS pelo número 29810 e, também, pelo App Cemig Atende e Agência Virtual (https://atende.cemig.com.br/Login).

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados