Noroeste de Minas regride de fase e retorna à onda amarela

 Noroeste de Minas regride de fase e retorna à onda amarela

As outras 13 regiões não sofreram mudanças, sendo que em 10 delas estão funcionando apenas os serviços essenciais.

Cidades do Noroeste, como Paracatu, terão que restringir abertura das atividades econômicas – Arquivo ALMG – Foto:Clarissa Barçante

Região Noroeste regrediu de fase do Plano Minas Consciente, do governo estadual, e passou da onda verde para a amarela – que permite serviços como lojas de vestuário e papelarias. Na semana passada, a região tinha progredido de fase. A reclassificação está contida na Deliberação 118 do Comitê Extraordinário Covid-19, publicada nesta quinta-feira (14/1/21) no Minas Gerais, o Diário Oficial do Estado.

As outras regiões do Estado permanecem nas faixas anteriores. Dez estão classificadas na onda vermelha, que permite o funcionamento apenas de serviços essenciais: Centro, Centro-Sul, Jequitinhonha, Leste, Leste-Sul, Nordeste, Oeste, Sudeste, Sul e Vale do Aço.

Junto com a Noroeste, estão na onda amarela as regiões Norte e Triângulo-Norte. Apenas o Triângulo-Sul continua na onda verde, de maior flexibilização com funcionamento de serviços como cinemas e academias.

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados