Governo de Minas inicia mais uma obra do Provias na região Noroeste de Minas

 Governo de Minas inicia mais uma obra do Provias na região Noroeste de Minas

Investimentos são aplicados nos 72,5 quilômetros entre Paracatu e Guarda-Mor

 

Os 72,5 quilômetros da rodovia MG-188, no trecho entre Paracatu e Guarda-Mor, na região Noroeste de Minas, já estão em obras de recuperação funcional. As ações integram o Provias, maior pacote de intervenções na infraestrutura viária da última década no estado.A ordem de início foi emitida no início de dezembro e os operários já começaram a executar os serviços de marcação com estacas, troca de defensas metálicas e de sinalização vertical.O trecho vai receber nova pavimentação após o período de chuva, conforme cronograma do Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG), autarquia que conduz os serviços.Com investimento de mais de R$ 26 milhões, a recuperação do trecho favorece o escoamento da produção agrícola da região.A MG-188 faz a conexão das regiões Noroeste e Triângulo, ligando cidades polos como Paracatu, Uberlândia e Uberaba. As melhorias beneficiam mais de 100 mil pessoas.“Em 2023, concluímos obras que garantem mais segurança e conforto para o usuário e tornam a nossa Minas Gerais mais competitiva no quesito infraestrutura e logística do transporte. Temos muito ainda que fazer, mas o resultado deste ano já é muito positivo”, avalia o diretor-geral do DER-MG, Rodrigo Tavares.InvestimentoSó na região Noroeste, o Governo de Minas, por meio do Provias, está investindo em infraestrutura rodoviária mais de R$ 200 milhões para recuperar e pavimentar cerca 242 quilômetros de rodovias, entre elas a LMG-680 e MG-410.Atualmente, o Provias conta com 124 obras de recuperação da qualidade do pavimento de empreendimentos de implantação, pavimentação e construção de pontes e viadutos.Um dos principais eixos é a recuperação funcional, com objetivo de promover melhorias no pavimento das estradas em pior estado de conservação.ProviasO Provias tem como objetivo reverter a situação precária em que se encontram muitas rodovias mineiras devido ao baixo investimento realizado por gestões anteriores na manutenção das estradas.O programa conta com quase R$ 2,5 bilhões em investimentos, que estão sendo aplicados em 124 intervenções em rodovias de Norte a Sul do estado.O Provias se divide em dois eixos: recuperação funcional, com objetivo de promover melhorias no pavimento das estradas em pior estado de conservação; e pavimentação e construção de pontes, com foco em viabilizar novas ligações entre importantes regiões de Minas Gerais.O programa tem potencial de adicionar ao Produto Interno Bruto (PIB) mineiro o montante de R$ 1,3 bilhão e aumentar a arrecadação com impostos indiretos em cerca de R$ 225 milhões.

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados