Cemig é incluída na lista do Índice Dow Jones de Sustentabilidade pelo 23ºano consecutivo

 Cemig é incluída na lista do Índice Dow Jones de Sustentabilidade pelo 23ºano consecutivo

 

Companhia permanece na seleta lista de empresas desde a criação do índice, em 1999

 

A Cemig é a única empresa do setor elétrico das Américas a ser listada, juntamente com oito outras empresas do setor, todas europeias, no Índice Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI World 2022/2023), divulgado na sexta-feira (09/12), em Nova York. Com base na análise de desempenho dos pilares de sustentabilidade, o DJSI lista as empresas que se destacam por suas práticas de gestão social, ambiental e econômica.

O presidente da Cemig, Reynaldo Passanezi Filho, comemora a confirmação da permanência no índice e acredita que o reconhecimento se deu devido às boas práticas adotadas pela empresa há mais de duas décadas.

“A Cemig se mantém firme como referência de sustentabilidade, buscando um crescimento sustentável da própria companhia e possibilitando esse caminho também para o estado de Minas Gerais. É um compromisso que temos também com clientes e stakeholders. Dessa forma, parabenizo os nossos empregados que tanto se dedicaram para mais essa conquista, a inclusão no DJSI World há 23 anos consecutivos”, afirma o presidente da companhia.

Seleção criteriosa e reconhecimento mundial

O DJSI World é um índice composto por ações das maiores empresas do mundo, que, em seus diferentes setores econômicos, se destacam pelo desempenho em sustentabilidade e adaptação às tendências de mercado, sendo capazes de criar valor para os acionistas nos médio e longo prazos.

Anualmente, a composição do índice é renovada, sendo uma referência mundial para investidores e agências financeiras internacionais que se baseiam nesse índice para tomada de decisão em investimentos socialmente responsáveis. A nova composição do DJSI World reúne 330 empresas, selecionadas a partir de um conjunto 3.519 empresas de diferentes setores econômicos. No setor elétrico, foram selecionadas 8 empresas, a partir de um universo de 66 empresas convidadas.

As empresas foram avaliadas segundo um questionário e, também, por meio das informações públicas disponíveis em relatórios anuais financeiros e de sustentabilidade e em websites. A seleção foi conduzida pela S&P Global, sendo todo o processo auditado pela Deloitte.

 

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados