1ª Feira Agro Paracatu reforça protagonismo do agronegócio na região

 1ª Feira Agro Paracatu reforça protagonismo do agronegócio na região

A abertura da 1ª edição da Feira Agropecuária de Paracatu aconteceu nesta manhã de 7 de outubro no estacionamento do Centro Administrativo e segue até sábado (9), onde são promovidos negócios e conhecimento, entretenimento e muito mais.

A região de Paracatu se tornou um dos principais polos do agronegócio do Brasil. Isto se deve, em parte, à grande extensão de terra cultivável, e, também, ao incentivo dado pelos setores público e privado à atividade econômica.

O maior objetivo da feira é integrar o pequeno, o médio e o grande produtor em um só momento, onde diversas atividades como palestras, oficinas, realizações de negócios através de empresas de Paracatu e de outras localidades, mini cursos,  seminários, estandes com expositores de grãos, insumos agrícolas, maquinários, instituições financeiras e planejamento de negócios. Na ocasião, a agricultura familiar, importante e expressivo segmento do ramo em Paracatu, comercializa os seus produtos.

A expectativa é de que a feira atraia um público diverso e movimente o setor do agronegócio na cidade de Paracatu e região.

A iniciativa, realizada pela Associação dos Produtores Rurais e Irrigantes do Noroeste de Minas Gerais (IRRIGANOR), com apoio da Prefeitura Municipal de Paracatu e do Sebrae, tem por objetivo viabilizar o encontro de agricultores, fornecedores e parceiros, e promover, além de negócios, a divulgação de tecnologias e conhecimento.

A feira faz parte das atividades de comemoração dos 223 anos da cidade, que pretende dar destaque às tradições culturais e explorar os potenciais turísticos e econômicos da cidade. Na região de Paracatu  se encontra a maior área irrigada por aspersão do país.

O agronegócio, é preciso frisar, cresceu 24,3% no ano de 2020 e sua participação no Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil passou para 26,6%, revelam os dados da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Paracatu vem acompanhando esta tendência de crescimento do setor agropecuário nacional. O êxito do município se traduz em números. O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) movimentou em torno de R$ 1,04 bilhão no ano de 2019.

De acordo com levantamento realizado pela Secretaria Municipal de Fazenda, a participação do agronegócio no Produto Interno Bruto (PIB) de  Paracatu, no ano de 2020, foi de R$ 853,382 milhões, o que representa 9,79% do total da soma de todos os bens e serviços finais produzidos.

“Estes indicativos demonstram que enquanto o setor do agronegócio cresce, toda a cidade prospera junto também. Toda uma cadeia de comércio e serviços se beneficia da produção agrícola, que é responsável por gerar emprego e renda no município. Queremos dar suporte e apoio aos produtores para que continuemos no caminho do crescimento econômico”, afirma o prefeito Igor Santos.

Fotos:

Comentários

O Lábaro

Posts Relacionados